terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

USP lança curso de LIBRAS gratuito e a distância

Quem está oferecendo o curso é o Departamento de Linguística da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Através de material teórico e prático, de conteúdo visual e textual, o professor Felipe Venâncio Barbosa ministra as aulas relacionadas à cultura surda. Ele conta que “A língua de sinais que vamos estudar aqui é a Língua Brasileira de Sinais, a Libras, que é a usada por comunidades surdas dos centros urbanos do Brasil. 
É uma língua natural reconhecida como meio legal de comunicação pela Lei 10.436 de 2002. É a partir desta lei que os profissionais da Pedagogia, Fonoaudiologia e das licenciaturas tem a garantia do contato com o ensino da Libras em sua formação: uma vitória grande para esses profissionais, mas principalmente para a comunidade surda que será atendia por eles”.
As aulas podem ser acessadas quando o aluno preferir e, através do próprio site do curso, hospedado na plataforma Stoa, é possível agendar a data para realizar a prova final. Sobre o conteúdo das aulas, Felipe diz que “O que você vai receber aqui são informações importantes que com certeza vão lhe ajudar na tomada de decisões caso você encontre em seu percurso profissional pessoas surdas ou outros profissionais que trabalham com pessoas surdas. Portanto, são conhecimentos para seu trabalho, independente dos contatos familiares e profissionais que você possa ou venha ter com pessoas surdas”.
Para começar a aprender Libras é só acessar:
Fonte: 
http://disciplinas.stoa.usp.br/course/view.php?id=5603&section=0


sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Diversidade: Barbie e Ken ganham peso, novas cores de pele e curvas – Mattel anuncia o lançamento de 3 novos modelos

A Mattel anuncia hoje a maior transformaçao na história de 57 anos da Barbie. A partir de agora, a boneca original estará à venda junto com 3 novos modelos, com formatos de corpo diversos, chamados em inglês de ‘tall’ (alta), ‘petite’ (baixa) e ‘curvy’ (com curvas) – veja abaixo imagens de cada uma delas


A mudança vem depois de inúmeras críticas à fabricante por difundir um padrao de beleza considerado impossível de atingir. No ano passado a Mattel já adicionou novos tons de pele e cabelos diferentes à boneca. Combinados com as novas formas corporais, Barbie ganha uma série de looks diversos “que refletem melhor a América do século 21”, diz a TIME



Ainda segundo a publicaçao, o projeto era tao secreto que os executivos da companhia o chamavam de ‘Project Dawn’ (Projeto Amanhecer), para que nem suas famílias desconfiassem da novidade. 


As novas Barbies estao à venda a partir de hoje no Barbie.com e devem estar disponíveis nas lojas físicas em breve.

É pra ter diversidade? Entao que tenha MUITA. Provavelmente foi isso que a Mattel pensou quando ampliou sua linha Barbie Fashionista, que agora tem 23 novas bonecas com 8 tons de pele, 14 estruturas faciais, 22 cortes de cabelo, 23 cores de cabelo e 18 cores de olhos diferentes (!). Está bom assim ou quer mais? :-) Outra novidade é que os tornozelos das bonecas agora sao flexíveis, o que significa que – finalmente – elas nao estao mais limitadas aos sapatos de salto alto. 


Os novos Kens para as novas Barbies – sao ou nao sao normais?

Juntos, até parece bloco de Carnaval – ‘Unidos do Ken’… Mas foi a resposta do site de moda Lyst às novas Barbies lançadas pela Mattel. Já que as namoradas mudaram de visual, por que nao dar uma repaginada nos namorados da boneca mais famosa do mundo? E aí estao eles, com barriguinha, óculos, entradas.

Fonte: http://www.adweek.com/adfreak/barbie-just-got-whole-lot-more-diverse-its-23-new-fashionista-dolls-165312

http://time.com/barbie-new-body-cover-story/

Representatividade: Lego lança seu 1º boneco em uma cadeira de rodas.

Hoje definitivamente é o dia da diversidade no mundo dos brinquedos. Depois da decisao histórica da Mattel de modificar a boneca Barbie, o The Next Web informa que, depois de 84 anos, a Lego terá seu 1º bonequinho usuário de cadeira de rodas. 

A novidade foi revelada numa feira de brinquedos na Alemanha. Segundo o TNW, “o homenzinho cadeirante (que pode se transformar em uma mulher ou num idoso com a troca do cabelo) é acompanhado de um cachorro, como parte do kit Fun in the Park, da linha Lego City. 







Outros acessórios incluem um carrinho de bebê, uma bicicleta e uma máquina de cortar grama.” Rebecca Atkinson, ativista que lidera o grupo #ToyLikeMe – cuja missao é pressionar fabricantes para que ajudem crianças com deficiência a encontrar representatividade nos brinquedos – diz que a iniciativa é “importantíssima para acabar com a marginalizaçao cultural”. “Vai falar alto para as crianças, com deficiência ou nao, de todo o mundo”, acrescentou. 
O kit Fun in the Park (Diversao no Parque) será colocado à venda este ano por USD 40. | Imagens: Promobricks

Fonte: http://www.bluebus.com.br/representatividade-lego-lanca-seu-1o-boneco-em-uma-cadeira-de-rodas/
Publicado em janeiro 28th, 2016